abr 16

Anvisa determina apreensão de falsa vacina contra gripe A (H1N1)


VACINA-GRIPE-A A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) determinou ontem a apreensão e inutilização, em todo o país, de um lote falsificado da vacina contra a gripe H1N1. O produto, que foi encontrado na semana passada em farmácias de Minas Gerais, se faz passar por um medicamento do laboratório Sanofi-Pasteur, que teve autorização para comercializar a vacina no país nesta semana.

A ordem para apreensão foi publicada hoje no “Diário Oficial” da União. Até agora, segundo a Anvisa, o lote falsificado só foi encontrado em farmácias de Minas Gerais, mas a Polícia Federal investiga se o medicamento está sendo distribuído ou vendido em outros locais do país.

A venda de vacinas contra o H1N1 em farmácias é proibida. Quem quiser se vacinar só pode fazê-lo em postos de saúde, onde o medicamento é aplicado gratuitamente para quem é contemplado pela campanha de vacinação do Ministério da Saúde, ou em hospitais e clínicas particulares autorizados pela vigilância sanitária.

Por enquanto, apenas os laboratórios Abbot e Sanofi-Pasteur tiveram autorização da Anvisa para comercializar a vacina contra a gripe H1N1 no país. O laboratório GlaxoSmithKline também já produziu a vacina, mas ainda não solicitou autorização da agência para vendê-la.

Características

O lote falsificado da vacina contra a gripe suína é o DEI 036-4. O número do lote não obedece aos padrões do laboratório Sanofi-Pasteur. Além disso, o medicamento contém outras várias irregularidades, como nome do produto incorreto, falha na impressão da caixa, ausência de código de barras e nome falso da farmacêutica responsável.

As diferenças das embalagens do produto falsificado e original podem ser conferidas no site da Anvisa. Denúncias sobre medicamentos falsificados podem ser feitas à Anvisa pelo telefone 0800-642-9782.

(Da Agência Folha)

Escrito por Airton \\ tags: , ,

Um Comentario para “Anvisa determina apreensão de falsa vacina contra gripe A (H1N1)”

  1. bruna Escreveu:

    mais eu que sou do estado de santa catarina de alfredo wagner que tomei a vacina contra o h1n1 em uma farmacia faço o que se é proibido ser vendido em farmacias. quero respostas essa vacina que tomei pode ou não ser falsa, ser for falsa guais são os meus direitos que paguei por essa vacina.

Deixe seu comentário