mai 23

A tua paz é como o orvalho que cai no silêncio da noite.

Em calma, o de que precisas chega e te traz um bem-estas sem limites. Na tranquilidade, vestes a roupa de espiritualidade com que te apresentas mais adiante.

Tens grande valor íntimo. Por isso, acalma-te, aguarda a paz e deixa ao tempo o que é dele fazer, sem te preocupares em ser a maior estrela e o fulgor.

Resves-te de humildade, faze todo o bem que possas e segue em frente. Com boa vontade, constróis a ti mesmo e eliminas as imperfeições.

A paz é um grande bem.

A paz é de todos; dorme em uns e vibra nos que lhe dão atenção.

Lourival Lopes – Ânimo



Escrito por Airton \\ tags: , , , , ,