mar 10

Aspirina-cura-cancer

A aspirina, quem diria, que já ficou famosa por ajudar a prevenir problemas cardiovasculares, está prestes a ganhar um papel importante também na luta contra o câncer. Cientistas da The City College, uma universidade de Nova York, desenvolveram um novo composto à base da droga que, a médio prazo, pode se tornar uma poderosa arma contra o câncer, e bem mais segura do que os remédios usados atualmente para tratar a doença.

Já havia indícios de que a aspirina poderia ajudar no combate ao câncer; o problema eram os graves efeitos colaterais que sua utilização para este fim poderia causar. As modificações realizadas em sua composição, porém, parecem fazer os efeitos adversos desaparecerem, além de tornarem a droga bem mais potente.

A equipe da Escola Biomédia Sophie Davis, instalada na The City College, relatou que a nova aspirina inibiu o crescimento de 11 diferentes tipos de células cancerígenas em cultura, sem prejudicar as células saudáveis ao seu redor. Entre elas, estavam células causadoras dos cânceres de cólon, pâncreas, pulmão, próstata e mama, além de leucemia.



Escrito por Airton \\ tags: , , , , , ,

set 26

cialis_disfunção

Uma dose diária do remédio Cialis (Tadalafil), contra a disfunção erétil, pode ajudar homens com sinais de hiperplasia benigna da próstata (HBP) e aliviar sintomas do trato urinário inferior (LUTS). O estudo publicado na revista Urology, elaborado por cientistas da Universidade do Texas, da Universidade Noroeste e dos Laboratórios Lilly, nos Estados Unidos, se baseia em uma análise de mais de 1 mil homens, procedentes de 10 países, que tomam Tadalafil.

Metade dos homens de 50 anos ou mais tem problemas provocados pelo LUTS, e os remédios para tratá-los podem produzir efeitos secundários como enjôo, pressão baixa e disfunção sexual. Os pacientes que participaram do estudo tinham que tomar um placebo durante quatro semanas. Depois, os 1.056 homens foram divididos em cinco grupos que recebiam o placebo ou diferentes doses de Tadalafil. Aqueles que tinham tomado Tadalafil registraram uma melhora significativa após, no mínimo, quatro semanas.

Os cientistas determinaram que uma dose de apenas cinco miligramas ao dia proporcionava o melhor resultado aos pacientes com LUTS. Pacientes com HBP, uma doença freqüente em homens com mais de 60 anos que ocorre quando aumenta o número de células da próstata, tornando-a maior e causando problemas ao urinar, também seriam beneficiados pelo remédio.




Escrito por Airton \\ tags: , , , , ,